A GAZETA DE ALGOL

"O morto do necrotério Guaron ressuscitou! Que medo!"

Ferramentas do usuário

Ferramentas do site


fanworks:teorias:teoria_mike_005

Noah e Lutz

Autor: Mike Ripplinger
Tradutor: Orakio Rob

Apesar de ter jogado muito pouco das versões japonesas dos jogos Phantasy Star, e o pouco que joguei eu fui completamente incapaz de ler, sei o suficiente a respeito deles por meio de várias fontes para saber que o PSI japonês traz um feiticeiro chamado Lutz, que reaparece em PSII para ajudar Eusis e seus amigos, e que aparece, de certa forma, em PSIV como Thray, a quinta geração de Lutz. Isso não se discute.

No entanto, será que também é assim no universo em inglês de PS? No PSI em inglês nós somos apresentados a um feiticeiro chamado Noah, que também aparece para ajudar os personagens de PSII com seu novo nome de “Lutz,” e que aparece, de certa forma, em PSIV como Rune Walsh, a quinta geração de Noah? Essa pergunta deve ser respondida baseando-se unicamente na opinião do jogador e em suas interpretações sobre os jogos da série, já que os fatos das versões em inglês nao oferecem uma resposta conclusiva de qualquer forma (apesar da firme crença no contrário por parte de alguns fãs).

Aqui, no entanto, eu vou descrever as razões para minha crença de que o Noah de PSI não é, de qualquer jeito, maneira, ou forma, o personagem visto em PSII como Lutz; Assim como minha crença de que Rune Walsh de PSIV possui as memórias deste personagem de PSII, Lutz, que, mais uma vez, não é o Noah de PSI. Como aviso, note que esta teoria se aplica apenas as versões em inglês dos jogos Phantasy Star e no “universo” contido neles, e assim sendo, não é compatível com os jogos japoneses e com o “universo” contido nesses jogos.

Essa teoria é compatível com o Phantasy Star Ultimate criado por James Maxlow e por mim


Existem sete razões principais pelas quais eu não acredito que Lutz seja de alguma forma Noah:

1. Sendo bem simples, nos é dito, em PSIV, que “Rune Walsh… é a quinta geração de Lutz” – Não que ele é a quinta geração de Noah. Alguns respondem a esse argumento dizendo que Noah mudou seu nome após PSI, ou que seu nome completo é “Lutz Noah” ou “Noah Lutz” ou algo parecido, mas eu rejeito essas teorias simplesmente por causa de outra evidência (listada abaixo) que sugere a mim que Noah e Lutz são indivíduos separados.

2. Se Noah de fato mudou de nome, após PSI, para Lutz, ou se seu nome completo é “Noah Lutz” ou algo desse tipo, e se o Lutz de PSII é realmente o Noah de PSI, por que “Noah” não faz absolutamente nenhuma menção ao fato de ter lutado ao lado de Alis, ou simplesmente que ele a conhecia? O Lutz de PSII diz, “A bela Alis, o símbolo de Algo, lutava contra Dark Force naquele sonho. Dark Force tentava destruir Algo, mas no fim ele acabou destruído.” O quão fácil, se o Lutz de PSII e o Noah de PSI são a mesma pessoa, teria sido para ele dizer, “Dark Force tentava destruir Algo, mas acabou destruído por Alis, por mim e por nossos amigos.” Ou mesmo um simples comentário: “A bela Alis, o símbolo de Algo, e minha boa amiga…” Essas omissões cruciais lançam tremendas dúvidas sobre a idéia de que Noah e Lutz são a mesma pessoa.

3. Quando os Xe-a-Thouls roubam a tocha eclipse do templo Gumbious em PSIV, um deles diz, “Ei, você… o vestido de branco! Se você é Lutz” (dito com ênfase) “você se lembra, não é?” Vamos mais uma vez dizer que Noah mudou seu nome após PSI. Por quê, então, os Xe-A-Thouls não chamam Rune de “Noah?” Esse era seu nome na época da batalha com Lassic há dois mil anos atrás. Devemos assumir que essas criaturas, que posteriormente prometem “mutilar e matar” Rune, fazem a cortesia de referir-se a ele pelo seu “novo nome”?

  • Primeiro Xe-A-Thoul: “Nós vamos mutilar e matar você com nossas próprias mãos, Noah!”
  • Segundo Xe-A-Thoul: “Mostre respeito, seu bárbaro insolente! Ele quer ser chamado de 'Lutz' agora!”
  • Primeiro Xe-A-Thoul: “Oh, perdão. Mandei mal?”

É simplesmente ridiculo!

4. Um dos habitantes da Mansão Esper de PSII diz, “O glorioso homem que lutou para salvar Algo está enterrado aqui.” E quem esse poderoso homem poderia ser? Myau? PSIV nos diz que ele ainda está vivo. Odin? Talvez, mas por que, de todos os lugares, ele estaria enterrado na Mansão Esper? Não, é mais provável que esse diálogo refira-se a Noah, o que significa que os caras da Mansão Esper reconhecem a morte de Noah, desde PSII… E ainda, em PSIV, Kyra diz, “Nosso…chefe da Mansão Esper… Lutz… Há dois mil anos atrás… Ele, junto a uma heroína chamada Alis, salvou Algo e passou a ser conhecido como um lendário feiticeiro!”

Agora nós sabemos que o feiticeiro que ajudou Alis a salvar Algo chamava-se “Noah,” não “Lutz,” e nós sabemos que os Espers reconhecem a morte de Noah desde PSII, então podemos responder à afirmação de Kyra dizendo que (A) Noah mudou seu nome para “Lutz” e também, entre PSII e PSIV, os espers de alguma forma simplesmente esqueceram o fato de que ele morreu, uma cultura inteira experimentando uma espécie de súbita amnésia coletiva ou (B) os feitos de Noah foram, com o tempo, atribuídos a alguma outra pessoa – outro Esper, chamado Lutz.

Baseado no fato de que Lutz nunca é visto (“Diz-se que ele ainda está vivo nas profundezas da Mansão Esper!” –Kyra) e o fato de que os Espers devotaram suas vidas apenas a ele (“Nós acreditamos na lenda do Esper, de que Lutz vive e está nos liderando, não é?! É Por isso… por isso que nos esforçamos tanto… ele tem que existir!” –Kyra) e no fato de nós sabermos que existe tamanha lenda em torno de Lutz (“O reverendo Lutz é um feiticeiro inigualável cujos feitos deram origem a tal lenda!” –Kyra), torna-se claro que a opção B é a escolha mais lógica.

5. Também se pode argumentar que Noah mudou de nome após PSI e morreu, e que o homem que Rolf encontra em PSII é o segundo Lutz. Isso, também, não funciona. Em PSIV, Rune afirma (sem ter razões para mentir, já que nenhum dos Espers que acreditam nas lendas de Lutz está por perto quando ele diz isso) que, “A primeira geração de Lutz guardou o Aero-Prisma no Templo do Soldado (Soldier's Temple)!” Já que nós vimos anteriormente o Aero-Prisma nas mãos de Rolf no final de PSII, esse diálogo prova que o Aero-Prisma deve ter sido armazenado no Templo do Soldado após PSII, o que significa que quem quer que seja aquele que nós vemos na Mansão Esper de PSII, ele é o primeiro Lutz. Como fica estabelecido no argumento acima, omissões cruciais sugerem que o líder da Mansão Esper de PSII não é o mesmo feiticeiro que viajou com Alis Landale em PSI.

6. Em Kuran, quando Chaz pergunta a Rune como ele sabe que o monstro que eles haviam acabado de enfrentar era Dark Force, Rune responde, “Ah!… er… Eu já o vi antes.” Só que mais tarde, no Templo Gumbious (Gumbious Temple), Rune diz, “A primeira geração de Lutz e seus companheiros lutou contra um homem no Castelo Aéreo… O nome desse homem era Lashiec!” Note a diferente mudança de perspectiva: Em Kuran ele usa a primeira pessoa ao falar sobre ter visto Dark Force antes, mas usa a terceira pessoa ao falar sobre Lassic. Eu acredito que essa mudança de perspectiva indica que Rune falava de suas lembranças a respeito de já ter visto Dark Force (já que Lutz viu os eventos ocorridos na espaçonave Noah em PSII, incluindo a batalha com Dark Force, por intermédio de Rolf), e que apenas seguia o embalo no que se referia às (inexatas) lendas de Lutz ao dizer que o primeiro Lutz enfrentou Lassic ao lado de Alis. É um modo de dizer. Rune admite que “Eu” vi Dark Force antes, mas então, ao seguir o embalo das lendas, ele esquece de dizer, “Eu lutei contra Lassic antes.”

7. Durante a aventura de Chaz, seu grupo viaja para um misterioso vale em Dezóris, no qual eles encontram um enorme gato que comeu uma loz de Laerma conhecido como “o ancião” que possui a arma de Myau do PSI, a Silver Fang (Bumerangue de Prata) (Chamada de Silver Tusk em PSIV). Ainda que o jogo não diga abertamente, “o ancião” é obviamente o próprio Myau. Além disso, se Rune possui a memória e a vida do Noah de PSI, então quando Chaz e seu grupo alcançam o vale misterioso, Rune se reúne com Myau, e não diz nenhuma palavra a seu velho amigo. A completa falta de interação entre “velhos amigos” claramente sugere que Rune não possui a memória de Noah


Resumindo, eu rejeito a idéia de que Noah foi o primeiro Lutz por causa de uma completa ausência de qualquer referência a Lutz ter conhecido Alis ou Myau; porque eu não acredito que Noah tenha mudado seu nome após PSI ou que seu “nome completo” inclui “Lutz”; porque eu não acredito que o “glorioso homem” mencionado em PSII seja outro além de Noah. Qualquer um que queira argumentar que Noah era o primeiro Lutz deve responder a essas perguntas, e como ainda tenho que encontrar respostas satisfatórias para elas, me recuso a acreditar que Noah foi o primeiro Lutz.

Ao inves disso, eu acredito que o jogo claramente estabelece que Lutz é um Esper separado, que posteriormente passou suas memórias pela Esfera Telepática para Rune Walsh, e a quem muitos dos feitos atribuídos foram na verdade realizados por um Esper que veio antes dele, Noah.

Naturalmente, certas perguntas nascem baseadas nessa teoria, também, mas ao contrário das perguntas levantadas pela teoria de que Noah e Lutz sao a mesma pessoa, as perguntas que surgem sobre a teoria de que “Noah e Lutz serem pessoas separadas” podem ser facilmente respondidas:

P: Antes de entrarmos nessa discussão, não podemos assumir que foi só um erro de tradução e deixar tudo assim mesmo?

R: Acho que todos assumem que essa é a causa do problema todo: que no universo japonês de PS, há um Esper chamado Lutz que luta ao lado de Alicer em PSI, ajuda Eusis em PSII, e que transfere suas memórias e sua vontade para Thray em PSIV. Entretanto:

  1. Minha teoria se aplica apenas ao universo em inglês de PS, que não pode coexistir simultaneamente com o universo japonês de PS devido à várias diferenças entre os dois.
  2. Minhas teorias giram em torno das “realidades” do jogo, e assim sendo, não posso aceitar a existência do que algumas pessoas chamam de “erros de tradução.” Me recuso a ignorar qualquer fato dos jogos, logo não posso simplesmente “restaurar” a história dos jogos em inglês para a do universo japonês de PS simplesmente ignorando e fingindo que esses fatos nao existem. Se algum acontecimento do universo inglês de PS deve ser aproximado ao de seu equivalente no universo japonês de PS, uma teoria é requerida.
  3. Como a Sega, dona de Phantasy Star, não quis lançar traduções para o inglês dos originais japoneses que contem a história 100% japonesa, nao vejo razão pela qual teorias pessoais a respeito do universo inglês de PS devam “restaurar” a história para que se ajuste à do universo japonês de PS.

P: Ok, mas a versão japonesa de PSI chama Noah de “Lutz.” Não podemos simplesmente dizer que a versão em inglês está errada?

R: Não. Porque os jogos em inglês são lançamentos oficiais da Sega, logo são incontestáveis, e 100% válidos, oficiais, e verdadeiros. Assim eles não podem ser “errados.”

P: E se Noah não mudou de nome? E se seu nome sempre foi Lutz e ele simplesmente passou a atender por outro nome em PSI?

R: Se você diz que Rolf encontra Noah em PSII, só que então este usa o nome “Lutz” ao invés de Noah,” por uma razão qualquer, a pergunta do por quê ele nao faz referências a seu passado permanece sem resposta. E não podemos dizer que Noah assumiu o nome de Lutz após PSI e que o Esper que Rolf encontra é o segundo Lutz (ou terceiro, ou quarto), porque sabemos, baseados na armazenagem do Aero-Prisma no Templo do Soldado, que o Lutz de PSII é o primeiro Lutz.

P: Sim, mas… o Noah de PSI e o Lutz de PSII são idênticos.

R: Sendo mais exato, eles estão usando as mesmas roupas, mas já que, em PSIV, o Manto de Frad foi passado para Rune (que o encontra na Ladea Tower), desta forma, eu acredito que o Manto de Frad foi passado de Noah para Lutz. Pondo de lado as roupas, eu não acho que Noah e Lutz sejam tão parecidos. Noah tem um nariz mais fino, e os olhos de Lutz parecem maiores.

P: Kyra Tierney diz, “Lutz… Há dois mil anos atrás… Ele, junto a uma heroína chamada Alis, salvou Algo e passou a ser conhecido como um lendário feiticeiro!” Isso não deixa tudo bem claro?

R: Não. Nós sabemos que o feiticeiro de PSI que lutou ao lado de Alis chamava-se “Noah,” não “Lutz.” Não existe “Lutz” em lugar nenhum de PSI. Por quê Kyra diz isso então? Bem, nós sabemos que Lutz está “escondido” (“diz-se que ele ainda está vivo nas profundezas da mansão Esper!” –Kyra) e que, apesar do fato de nunca ter sido visto, os Espers praticamente o idolatram (“Além disso… além disso… todos somos fiéis, não somos? Nós acreditamos na lenda do Esper, de que Lutz vive e está nos liderando, não é?! É Por isso… por isso que nos esforçamos tanto… ele tem que existir!” –Kyra ). Logo, não é perfeitamente lógico assumir que em sua ausência, os Espers começaram a contar muitas histórias sobre seu grande líder e objeto de suas fanáticas devoções, e que nem todas eram verdadeiras? É claro que é, e nós temos a prova exata de que isso aconteceu: “O reverendo Lutz é um feiticeiro inigualável,” diz Kyra, “cujos feitos deram origem a tal lenda!”

P: Sim, mas o próprio Rune não diz, ” A primeira geração de Lutz e seus companheiros lutou contra um homem no Castelo Aéreo… O nome desse homem era Lashiec!” e “Lashiec foi derrotado pela primeira geração de Lutz!”?

R: Sim, claro, mas Noah e seus amigos lutaram contra um homem chamado “Lashiec”? Não, eles lutaram com um homem chamado “Lassic.” Agora, eu não estou dizendo que “Lassic” e “Lashiec” são dois indivíduos separados, mas se Rune realmente possui a memória de Noah, e se estamos falando da batalha de Alis no Castelo Aéreo, ele tria usado o nome “Lassic” nesta cena, e não “Lashiec.”

Então por quê ele usa “Lashiec” então? Minha interpretações sobre esse assunto nasceram de Black Francis, que postou essa idéia na Phantasy Star Discussion Board [Lista de Discussão de Phantasy Star, em inglês]. Eu acredito que “Lassic” era o nome dele enquanto ainda vivia uma vida normal, anterior à sua morte pelas mãos de Alis e companhia, e “Lashiec” era seu nome após sua reencarnação. Tão pequena mudança não é incomum; olhe na Bíblia, Genesis 17 [Em inglês]: Deus renomeou Abraão como “Abrahão” E ele renomeou sua esposa Sarai como “Sarah.” Note que essas são apenas variações simples do mesmo nome – o mesmo pode ser dito de “Lassic” e “Lashiec” – e essa mínima mudança foi feita para denotar a aliança que foi feita entre Deus e Abrahão. Eu acredito que quando a Treva Profunda fez sua aliança negra com Lassic para reencarná-lo sucessivas vezes (Prestes a morrer em PSIV Lashiec diz, “Mas, mesmo agora, eu não morrerei! Vou reencarnar de novo, e de novo. Eu tenho que trabalhar para ele! Enquanto ele existir, Eu continuarei a trazer calamidade ao futuro de Algo!”), Lassic foi da mesma forma renomeado como “Lashiec.”

Voltaremos a esse assunto daqui a algumas perguntas.

P: Ok, ok… mas como você mesmo disse, em Kuran, Rune diz já ter visto Dark Force antes. E apenas Noah lutou contra Dark Force antes.

R: Certo, apenas Noah lutou contra Dark Force antes… Mas Rune não disse que já lutou contra Dark Force, disse?

  • CHAZ: “Como você sabia… que esse monstro era o Dark Force do qual Zio falava?
  • RUNE: “Ah! …er… Eu já o vi antes.”

Rune afirma apenas que já havia visto Dark Force antes. Em PSII, Lutz, apesar de estar na Mansão Esper, obviamente sabe o suficiente a respeito do que está havendo a bordo da nave Noah para dizer a Rolf que a nave não está deserta (”'Rolf espere!' A voz de Lutz toma o coração de todos. 'Ainda há alguém nessa nave! Vocês não podem retornar novamente!'”) e de teleportar o resto dos amigos de Rolf para a nave na hora certa (“Graças ao poder de Lutz, eles foram enviados até eles”), é seguro dizer que Lutz telepaticamente viu Rolf lutar contra Dark Force, logo, a afirmação de Rune em Kuran é verdadeira.

P: No Templo Gumbious, um dos Xe-A-Thouls diz a Rune, “Hey, você… o vestido de branco! Se você é Lutz, voce se lembra, não é?” E o outro diz, “Você sabe quem estará esperando por você no Castelo Aéreo!” Isso não esclarece tudo?

R: Isso deixa algo bem claro, mas esse algo é que “Noah não é Lutz!” Usando alguma argumentação, digamos que Noah mudou seu nome para Lutz após PSI ou começou a usar seu “nome verdadeiro” de Lutz após PSI. De qualquer forma, quando Noah esteva no Castelo Aéreo, ele atendia pelo nome de “Noah. “Nós vemos isso em PSI. Ainda assim o Xe-A-Thoul diz, “Se você é Lutz…” (enfático). Devemos assumir que esses monstros que posteriormente admitem seus planos de “mutilar e matar” Rune fazem a cortesia de chamá-lo por seu nome “adequado?” Isso é ridículo.

P: Bem, eles dizem, “Se você é Lutz, você se lembra, não é?” Isso não prova que algum Lutz anterior já esteve no Castelo Aéreo? E o único feiticeiro que já havíamos visto no Castelo Aéreo não foi Noah?

R: Sim e não. O único feiticeiro que nós vimos no Castelo Aéreo foi Noah, mas isso não significa que ele foi o único feiticeiro a estar lá. Lassic diz em PSIV, “Vou reencarnar de novo, e de novo. Eu preciso trabalhar para ele! Enquanto Ele existir, eu continuarei a trazer calamidade para o futuro de Algo!” Não, o que a fala do Xe-A-Thoul no Templo Gumbious deixa claro é que Lassic reencarnou ao menos uma vez antes de PSIV, e durante sua reencarnação, e durante essa reencarnação, o primeiro Lutz e seus amigos o confrontaram no Castelo Aéreo.

Verdade seja dita, esse é um grande evento que ocorre entre os jogos, mas a outra alternativa é a de que os Xe-A-Thouls são polidos demônios assassinos que sempre se certificam de chamar seus inimigos extamente pelos nomes pelos quais estes querem ser conhecidos. Então será que o conceito de Lashiec ter reencarnado ao menos uma vez antes de PSIV é tão inviável?

P: Bem, não, mas o primeiro Lutz esteve lá, por quê Rune não sabe que Lassic pode reencarnar? Rune não diz especificamente, quanto ao Castelo Aéreo, “Não sei o que nós encontraremos quando chegarmos lá.”? E quando ele vê Lashiec, ele não diz, “Lashiec! Por quê voce reencarnou… dessa forma?”? Isso parece indicar que Lutz não sabia das reencarnações de Lassic.

R: Leia as falas de Rune atentamente mais uma vez. Rune diz, “Por quê você reencarnou… dessa forma?” Por quê ele hesita antes do “dessa forma”? Pense por um momento em Phantasy Star I. Lassic era alto e tinha um porte normal ou até mesmo um pouco magro; é difícil dizer exatamente, já que ele estava coberto por seu manto azul. Em Phantasy Star IV, no entanto, Lashiec é grande e mal e tão forte quanto Arnold Schwarzanegger. Eu acredito que a frase de Rune ”… dessa forma” é a indicação de que quando o primeiro Lutz confrontou Lashiec (o Lassic reencarnado) no Castelo Aéreo, Lashiec parecia muito mais com o primeiro Lassic. O comentário de Rune é um comentário sobre a natureza da atual reencarnação de Lashiec, e não sobre a reencarnação em si.

Quanto ao “eu não sei o que encontraremos quando chegarmos lá,” bem, antes disso, Lutz havia visto Lassic reencarnado apenas uma vez. Ele não tem como saber que Lassic esta destinado a reencarnar por várias vezes, enquanto a Treva Profunda existir. “Eu não sei o que encontraremos por lá” é a forma de Rune dizer “certamente me parece que eles estão dizendo que Lashiec retornou, mas o primeiro Lutz e seus amigos o mataram, assim como Noah e seus companheiros mataram Lassic, então quem sabe se eles estão blefando ou se ele retornou mesmo?”

P: Ok, então você provou que o fato de Noah e Lutz serem duas pessoas diferentes é uma interpretação completamente válida dos jogos Phantasy Star em inglês. Mas por quê voce iria querer interpretar os jogos dessa forma?

R: Acredite ou não, já me fizeram essa pergunta antes. É tão difícil de acreditar que quando eu olho para os Phantasy Stars em inglês como um todo, e considero todos os fatos de cada jogo da série, que essa interpretação e a que eu mais gosto? Se você olhar para os jogos e interpretar Noah de PSI e Lutz de PSII como sendo a mesma pessoa, está bem! Eu, no entanto, tenho uma visão diferente dos mesmos jogos.

P: Mas a Navalha de Occam diz que a solução mais simples geralmente é a mais correta. E a solução mais simples é a de que Noah é Lutz.

R: Aqueles que interpretam Noah e Lutz como sendo a mesma pessoa adoram usar a Navalha de Occam. Pluralitas non est ponenda sinne necessitate – entidades nao devem ser multiplicadas sem necessidade. Tire o jargão dela, e uma forma de traduzi-la seria “Um problema deve ser mantido em seus termos mais simples e básicos” ou “Mantenha-o simples!” Então, para agradar aos que pensam que a Navalha de Occam se aplica a este caso, vou aplicá-la: Rune diz que o primeiro Lutz era Noah, mas em Phantasy Star II nós encontramos o primeiro Lutz, e ele não diz nada que sugira que ele e Noah são a mesma pessoa. Logo, a Navalha de Occam dita que Noah não é Lutz.

Como já sei que a turma do “Noah é Lutz” está fumegando à essas alturas, já que eles sempre acreditaram que a Navalha de Occam era sua infalível resposta para qualquer discussão de “Noah não é Lutz,” devo apontar que vocês estão tentando aplicar o que é essencialmente um princípio científico em uma questão nem um pouco científica. Os jogos Phantasy Star são literatura, ainda que de uma forma moderna. Eles são entretenimento; eu até ouso dizer que eles são arte. A Navalha de Occam e a arte são como maçãs e laranjas. Use a Navalha de Occam para responder a pergunta de qual entre dois artistas é o melhor, e alguem responderia, “O artista A, pois ele produziu mais pinturas, então sua massiva obra é a prova de seu talento!” enquanto outro diria, “O artista B, pois ele produziu menos pinturas, então a qualidade deve ser melhor!”

Os jogos Phantasy Star são RPGs. Por sua natureza, espera-se que o jogador assuma o papel dos heróis do jogo. Isso significa que o jogador põe muito de si mesmo no papel, assim como um ator traz muito de si para um papel que interpreta numa peça ou em um filme, e como tal, cada jogador interpretará os jogos de forma diferente. Então acho que é uma perda de tempo aplicar princípios científicos aos jogos Phantasy Star, mas se vocês insistem… Eu considero a resposta de que “Noah não é Lutz” muito mais simples, logo, a Navalha de Occam se aplica à minha teoria.

Provavelmente sera uma surpresa para muitos o fato de que, na verdade, eu realmente desejava que o homem que Rolf encontra na Mansão Esper de Phantasy Star II fosse Noah! Phantasy Star I é meu jogo favorito da série – sempre foi e provavelmente sempre será – e sou totalmente favorável à repetida aparição de seus personagens em outros jogos da série, quantas vezes eles quiserem, e onde quer que eles queiram aparecer.

Mas quando olho para as evidências de todos os jogos Phantasy Star em inglês, eu sinceramente não posso aceitar que o Lutz de PSII e o Noah de PSI são um só. Se surgir uma nova evidência em algum futuro jogo da série Phantasy Star em inglês que prove que Noah e Lutz são, de fato, um só, serei o primeiro a rasgar essa teoria ao meio e pular de alegria.

Enquanto isso, as evidências disponíveis claramente indicam a mim que Noah não é Lutz, e como voces podem ver, qualquer pergunta a respeito do fato de Noah não ser Lutz pode ser facilmente respondida. Logo, minha teoria de que o Lutz de PSII não é o Noah de PSI é uma teoria completamente válida e possível, apesar do fato de que por razões que me intrigam completamente, essa interpretação parecer levar muitos fanáticos “Noah é Lutz” à loucura, eles parecem incapazes de se aprofundar no conceito, e muito menos aceitá-lo como possível.

Apesar disso, é uma interpretação possível que não pode ser invalidada, já que é, aos meus olhos, uma alternativa muito mais plausível do que a de Noah ser Lutz.

(Agradecimentos especiais a Neilast e Black Francis por prestarem apoio à essa teoria)

(Vejam também no meu Phantasy Star Ultimate a breve história “A queda da Mansao Esper” para maiores informações sobre minha teoria de que Noah não é Lutz.)

fanworks/teorias/teoria_mike_005.txt · Última modificação: 2009/01/13 11:58 (edição externa)

Ferramentas da página