A GAZETA DE ALGOL

"O morto do necrotério Guaron ressuscitou! Que medo!"

Ferramentas do usuário

Ferramentas do site


jogos:pso:start

Phantasy Star Online

Desenvolvedora SEGA
Data de lançamento 21/12/200 (JP), 29/01/2001 (EUA), 23/02/2001 (EUR)
Console Originalmente para o Dreamcast
Documentação Caixa da versão americana, manual da versão americana. Para mais documentos, consulte a seção de scans

Phantasy Star Online foi lançado em 2000 apenas para o Dreamcast (console de 128 bits, o último videogame fabricado pela SEGA). Mais tarde, ganhou versões novas para outros consoles. Foi o primeiro jogo da “nova geração” da série, após muitos anos sem o lançamento de um novo título.

Bem diferente dos jogos anteriores, PSO é um RPG Online de ação e não um RPG baseado em turnos. É considerado um marco, pois até então, apenas os PCs tinham RPGs online. Para que isso fosse possível, a SEGA fabricou o Dreamcast com um modem interno no qual você ligava o fio do telefone e jogava online com outras pessoas (quatro no máximo). Essa inovação era um trunfo sobre o grande rival do console na época, o Playstation (e seu futuro sucessor, o Playstation 2).

PSO traz vários elementos da série clássica, porém rearranjados em uma nova realidade. Portanto, não se trata de uma continuação direta da série clássica de jogos lançados para o Master System e o Mega Drive, mas sim de um arco de história totalmente novo e independente.

Estes são alguns dos prêmios recebidos pelo jogo:

  • Edge Awards 2001
    • Game of the Year (Phantasy Star Online)
    • Technical Achievement Award (Phantasy Star Online)
    • Developer of the Year (Sonic Team)
  • Sixth Annual Kobe Animation Festival
    • Best Network Media award

* AFTA Interactive Entertainment Award
* “Gold” awards na Electronic Gaming Monthly
* Game Developers Choice Awards (para Yuji Naka)

O modo de combate é em tempo real (sem pausa), com diversos itens a serem conquistados e comprados e a possibilidade de montar seu personagem do jeito que quiser (mudar cabelo, rosto, proporção do corpo, roupas etc) e escolher dentre várias classes diferentes. Pode ser jogado tanto online como offline, e em ambos os modos a história é a mesma. Uma das poucas diferenças é que no modo offline você joga sozinho e no modo online pode jogar com até quatro pessoas.

Versões

PSO recebeu ports e expansões variadas:

  • Phantasy Star Online Ver. 2: chegou ao Dreamcast em 2001, com alguns refinamentos e novidades.
  • Phantasy Star Online Episode I & II: lançado em 2002 para o Gamecube. A maior novidade era a adição do segundo episódio, dobrando o tempo de jogo, e a possibilidade de multiplayer local, com tela dividida. No ano seguinte, chegaria também ao Xbox.
  • Phantasy Star Online Episode III C.A.R.D. Revolution: lançado exclusivamente para o Gamecube em 2003, subverte radicalmente a fórmula do jogo, usando um sistema de combate baseado em cartas.
  • Phantasy Star Online: Blue Burst: versão bastante aprimorada para os PCs do PSO EpI&II de Xbox. Conta com novas classes, gráficos aprimorados, controles melhores, atalhos na parte inferior da tela e muito mais. Posteriormente, recebeu o exclusivo episódio IV.
  • Phantasy Star Online: Episode IV: episódio lançado exclusivamente para o PSO: Blue Burst.

Episódios de PSO

Confira também a seção de PSO EpIⅈ há material com informações relevantes para este PSO. :!:

“Por Toshio e Orakio Rob”

Imagens

jogos/pso/start.txt · Última modificação: 2012/12/03 10:46 por orakio