A GAZETA DE ALGOL

"O morto do necrotério Guaron ressuscitou! Que medo!"

Ferramentas do usuário

Ferramentas do site


diversos:reportagens:reportagem_003:reportagem_003_004

Phantasy Star Compendium

Baseado na Tradução de Rebecca Capowski

Autor: Orakio Rob

PARTE 4 - Raridades PSanas

Você conhece os oito jogos de Phantasy Star para o Mega Drive? E já ouviu falar em Nei III? Bem vindo à quarta parte da reportagem sobre o Compendium, “Raridades PSanas!”

Text Adventures, os PS que voce não jogou


Cena de “Amia's Adventure”

No Japão, a Sega lançou um serviço de Modem para o Mega Drive, que não chegou ao ocidente. Na verdade, nós, brasileiros, tivemos um pouquinho desse sistema por aqui, mas seu uso foi diferente, e não desfrutamos nem de metade do que os japoneses desfrutaram Dessa forma, a Sega lançou apenas no Japão para o modem oito jogos sobre Phantasy Star II, cada um trazendo um dos personagens de PSII antes dos eventos ocorridos no jogo.

Os jogos são terrivelmente simples, basicamente são pilhas de texto e pouquíssimas imagens. Mas o que faz desses jogos algo especial é que eles mostram detalhes muito interessantes sobre os personagens. Vamos a um breve resumo de cada um deles, extraído do Compendium:

  • Eusis's Adventure: A história do jovem Rolf, atravessando grandes desafios, crescendo espiritualmente e fisicamente. Ele pretende ser um caçador de monstros.
  • Nei's Adventure: A história se passa um ano antes de PSII, quando Nei ainda era uma garotinha. Sua história é triste, por causa da discriminação da sociedade, e há uma cena na qual ela encontra Rudo.
  • Rudger's Adventure: Um conto do tempo em que Rudo ainda era um oficial do governo. Ele caça os bio-monstros que destruiram sua cidade natal e mataram sua mulher e seu filho.
  • Anne's Adventure: Amy é a única doutora a se formar. Ela está a caminho de uma escola numa cidade vizinha para salvar pessoas feridas por bio-monstros, mas… [o livro não diz mais nada! droga :)]
  • Huey's Adventure: Criaturas estranhas rondam os corredores da Universidade de Motávia. A pedido do diretor, Hugh vai investigar. Aposto que voce já ouviu essa historia antes: é parecidíssima com a história de Hahn em PSIV! E detalhe: no jogo, Hugh usa roupas quase idênticas às de Hahn, e topa com um mostro igualzinho a Igglanova de PSIV…
  • Amia's Adventure: Diz-se que um grupo de Motavianos interceptou uma informação de Cérebro Mãe. Anna é enviada para encontrá-los. Pode-se ver bastante da atividade de Anna como contra-caçadora.
  • Kainz's Adventure: A história acontece três anos antes de PSII. Kain foge de sua cidade natal para deixar para trás a monotonia, e vive uma vida dura em outra cidade, nessa que é a mais hi-tech das oito aventuras.
  • Shilka's Adventure: Shir quer roubar a obra de arte “Opa-Opa,” um quadro que vale um bilhão de mesetas (Por acaso, Opa-Opa é o nome do herói da série Fantasy Zone).

Algumas boas notícias sobre esses jogos: Eles foram relançados em dois CDs para o Mega CD, “Games Can Vol.1” e “Games Can Vol.2,” cada um com quatro dos oito jogos, e mais outros também do serviço de modem. Esses jogos estão sendo habilmente adaptados para PC por Naflign, um dos mais prodigiosos fãs de Phantasy Star. Rebecca Capowski, a mesma que traduziu o Compendium, esta traduzindo os textos de japonês para o inglês. Alguns dos jogos já podem ser baixados no site de Naflign, o Naflign's Ego .

Eu, Orakio Rob, com a devida autorização de Naflign, estava trabalhando na tradução para o português do primeiro deles, “Nei's Adventure”, quando era solteiro, mas casei e mudei de idéia :-)

Quadrinhos

Você conhece o SPEC? É o fã clube oficial da Sega japonesa. O SPEC emitia um jornalzinho, que infelizmente só teve oito números. Ele era feito a mão pelos próprios programadores! O primeiro número foi publicado em agosto de 1998, o último em 1992. O fato é que três histórias em quadrinhos de Phantasy Star foram lançadas! Ainda que sejam side-stories, ou seja, histórias que podem ou não fazer parte da continuidade oficial, algumas delas foram feitas pelos criadores da série. Vamos a elas:

Phantasy Star: Phantom Cities


Artista: Phoenix Rie (Rieko Kodama)
24 páginas.

A história da infância de Noah! Como o Compendium traz apenas poucas imagens da história, e ela é repleta de flashbacks, é um pouco difícil contá-la em detalhes, mas eis o que temos: Noah é um garoto de onze anos. Ele vai conversar com o bardo Yuriaude, que chegou de uma jornada. Enquanto Noah está fora, sua vila é atacada pelo monstro “Leviathan.” Tanto a história quanto os desenhos são de Phoenix Rie.

Temos três personagens no Compendium: Um sujeito de preto com um colar, Yuriaude (que, de acordo com Capowski, traja uma capa e um chapéu semelhantes aos do desenho Vampire Hunter D) e Noah, ainda criança, com traços muito femininos, como visto na seção personagens dessa reportagem.

Nos quadrinhos, que nao fazem muito sentido dispostos isoladamente como estão no Compendium, Noah aparece gritando, em expressão chocada: “MÃE!!” Será que o monstro matou ela? Depois há uma conversa entre Noah e Yuriaude na qual fica a impressão de que a mãe de Noah sabia de seus poderes. Em outro quadro, o jovem Noah se mostra bastante confuso diante de uma visão que tem: parece que ele não entende bem quando seus poderes começam a se manifestar.

Terceira!

Artista: Yoshibon - 39 páginas.

Essa história seria a base de PSIV.

Esse trabalho foi feito por Yoshibon, designer de personagens de PSII e IV, após PSII. Ocorre no ano de AW1423 no planeta Motávia, onde a caçadora Nei III encontra uma criança perdida chamada Rudy (Que, por acaso, é o nome japonês de Chaz… e por acaso, ele parece MUITO com Chaz!). Alem deles, há um outro cara na história. E ele é chamado de “cara” mesmo na historia :-) Sério, eu juro! Quando vocês lerem sobre o Yoshibon, vao entender o senso de humor dele…

Não se esclarece muito da história pelos quadrinhos mostrados no Compendium, mas dá pra perceber que Nei III é muito boa gente.

Phantasy Star: Outside Saga


Artista: Judy Totoya (designer dos personagens de Sorcerian)

Passado dias após PSI, nesse conto Alis e Noah estão em uma espaçonave quando o motor pifa graças à ação de pessoas leais a Lassic, e eles vão parar em outro sistema estelar. Na história, estão Noah (com uma roupa mais esportiva, mais ao estilo de Rune, porém ainda de capuz), Alis (Com uma versão melhorada e, de acordo com Capowski, muito legal de sua armadura) e uma nativa desse sistema estelar chamada Gardinan von Emardyne.

Curiosamente, Alis apresenta Noah como “Mizerith Lutz Iysa Lanai.” Se esse é seu nome oficial mesmo, eu não sei…

Além disso, Noah diz a Alis: “Sei que você não se tornou rainha porque queria viver como uma mulher normal, mas… (Opa! Não virou rainha? E agora, em quem acreditamos, nessa historia ou na linha cronológica Algoliana? Parece que isso aqui é mesmo uma side-story). A urbanização de Motávia acelerou drasticamente nesses três anos. E grandes mudanças resultaram disso. Alis…”

Fora isso, de acordo com informações fornecidas por Gardinan, o Exército Nacional desse estranho sistema está atrás deles dois, mas ela vai ajudá-los; os Sword Gammas foram contratados para escoltá-los até a terra-livre de Lydomuhl. Entenderam? Nem eu!

E a revista de Yoshibon!

O gaiato Yoshibon, designer de personagens de PSII e IV, tinha uma revista chamada “Yoshibon Club Manga.” Essa revista não tem um tom lá muito sério, logo não sabemos se essa informação deve ou não ser considerada, mas existem rascunhos de uma cena diferente da morte de Alys nessa revista. Essa revista diz que a cena originalmente aconteceria em Tonoe! Nos quadrinhos, Alys está às portas da morte, com sua armadura de batalha, no chão, próxima a uma casa. Rune, Chaz e Hahn estão com ela.

Memorial Drama CD

Isso sim é algo muito louco: um CD de áudio com uma história de Phantasy Star, ocorrendo, especula-se, durante PSIV. Temos os personagens de PSIV, um novo personagem chamado NM-2011 e… Nei! Confuso? Aguarde que em breve a gazeta traz uma reportagem sobre o CD. Por enquanto, fique com a capa e a contra-capa do CD:

Caso esteja interessado em fazer o download do CD (lembre-se que está tudo em japonês!) você pode fazê-lo no site do Naflign, mais precisamente aqui , onde você terá também um link para a tradução, mas por favor, atendam ao pedido do Naflign e baixem um arquivo de cada vez, ok? O site dele é cheio de complicações técnicas, portanto vamos colaborar!

E chegamos ao fim de mais uma parte da reportagem do Compendium. Na quinta e última parte, uma entrevista com membros da equipe de PSIV, e comentários de integrantes da equipe de outros jogos da série. Não perca!

Fim da Parte 4

Ir para a Parte 5

diversos/reportagens/reportagem_003/reportagem_003_004.txt · Última modificação: 2009/01/13 11:58 (edição externa)

Ferramentas da página