A GAZETA DE ALGOL

"O morto do necrotério Guaron ressuscitou! Que medo!"

Ferramentas do usuário

Ferramentas do site


colunas:mansao_esper:mansao_esper_002

Mansão Esper

Bem-vindos à Mansão Esper, o templo da história algoliana. Sob o teto dessa mansão, residem todo o conhecimento e sabedoria acumulados em mais de 2000 anos de batalhas contra as forças do mal em Algol.

O que nos leva a razão de eu estar aqui. Sou Rune Walsh, a quinta encarnação do poderoso feiticeiro Lutz. Se o nome nao soa familiar, talvez vocês se lembrem de sua mais famosa encarnação: Noah.

Dessa vez, a mansão esper traz uma edição especial, contando toda a trama de Phantasy Star I. Vamos conhecer a fundo a jornada de Alis e companhia para destronar o maligno Lassic.

Algol, Século 342

A história de Phantasy Star I se desenrola no sistema estelar Algol, composto de três planetas que giram em torno de uma estrela: Palma, Motávia e Dezóris. Motávia é um planeta desértico, e pouco colonizado. Já Dezóris é quase inexplorado, seu clima é muito rigoroso e seus habitantes pouco amigáveis. Sendo assim, Palma é o centro nervoso de Algol.

No século 342, Algol é regido pelo rei Lassic, que exerce controle total sobre o sistema, embora haja um governo local em Paseo, Motávia, representado pelo governador Sirrus.

A corrupção de Lassic

Lassic era um governante justo e eficiente, porém possuía um ponto fraco: a idéia de sua morte o aterrorizava. A idade avançada apenas servia para acentuar seu medo.

Foi então que surgiu em Algol uma nova religião, que prometia a seus adeptos a vida eterna. A origem da religião é desconhecida, mas o fato é que Lassic sentiu-se muito interessado nela. Os membros confeccionaram uma armadura negra para seu novo e ilustre membro e, de acordo com alguns boatos, a religião corrompeu a alma de Lassic. Algo mudou dentro dele, que tornou-se um tirano cruel e inescrupuloso. A desordem espalhou-se por Algol, quando monstros multiplicaram-se sobre a superfície dos três planetas. O povo era duramente reprimido por robotcops, os guardas de Lassic, enviados às cidades para combater focos de revolta. E um desses focos estava em uma cidade palmiana chamada Camineet.

O início da saga

Nero era integrante de um dos grupos de revolta contra Lassic. Sua revolução teve fim nas ruas de sua própria cidade: Robotcops o assassinaram em plena luz do dia em Camineet. Sua irmã, Alis Landale, ainda teve tempo de ouvir suas últimas palavras. Nelas, Nero confiou sua missão a Alis, que aconselhada por ele, partiu em busca do poderoso guerreiro Odin para vingar-se do rei Lassic, e salvar Algol de sua tirania.

Sozinha e inexperiente, Alis sai em busca do guerreiro Odin, residente da cidade vizinha, Scion. Chegando lá, porém, descobre que Odin partiu para confrontar a Medusa. Junto com ele estava um estranho animal falante, semelhante a um gato.

Em busca de pistas sobre o paradeiro de Odin, Alis viaja para Paseo, onde encontra Myau em uma loja de animais(!). O vendedor cede Myau a Alis em troca do pote laconiano desta.

Myau conta a Alis que ele é companheiro de jornadas de Odin, e que ambos partiram para confrontar Medusa. Odin perdeu e foi petrificado. Myau, no entanto, tem um frasco do remédio capaz de fazê-lo voltar à sua forma original pendurado em seu pescoço, o Alsulim.

O guerreiro e o mago

Alis e Myau partem então em busca de Odin. De volta a Palma, eles chegam a uma pequena caverna ao sul de Camineet, onde encontram Odin petrificado. O Alsulim tem efeito, e Odin volta a sua forma original. Ele conta a Alis que tentou derrotar Medusa para obter seu machado místico, o machado laconiano.

Após alguns contratempos, os três conseguem uma audiência com o governador de Motávia Sirrus. Este os envia em busca do feiticeiro Noah, um homem que poderá ajudá-los em sua missão. Noah é encontrado na caverna Maharue ,e ao ler a carta escrita para ele por Sirrus, aceita unir-se ao grupo para derrotar Lassic.

O fantástico Dr Luveno

Ao retornar a Palma, o espaçoporto é fechado. Como o grupo ainda precisará fazer várias viagens, surge a necessidade por uma novo transporte interplanetário.

Noah sugere ao grupo que siga até Gotica, onde vive o Dr. Luveno, construtor aposentado das espaçonaves de Algol. Mas uma vez em Gotica, descobrem que Luveno está preso na prisão triada. Sem pensar duas vezes, Alis e seus amigos resgatam Luveno, que aceita construir a espaçonave para o grupo. Porém, apenas o robô Hapsby pode pilotar a espaçonave.

Após pagarem uma insignificante quantia de 1200 mesetas para a construção da nave, e depois de viajarem sobre planícies cobertas de lava para encontrarem o robô Hapsby em Bortevo, eles retornam a Gotica. Os heróis já possuem sua própria espaçonave: O “Luveno.”

Aventuras em Algol

Depois de obterem a espaçonave, os heróis conseguem ainda um landrover, um hovercraft e um cavador de gelo, ampliando assim sua mobilidade. Viajam então aos mais distantes recantos dos três planetas. Em Motávia, encontram o lendário escudo de espelho, e Noah confronta seu mestre Tajim, que dá a ele o manto de Frad como prêmio. Em Palma, derrotam o maligno Dr. Mad, recuperando o pote Laconiano. Alis derrota um enorme dragão na torre da ilha de Palma e obtém a espada laconiana.

Acredita-se que essa é a espada que, posteriormente, viria a ser conhecida como a espada sagrada Elsydeon. Ainda em Palma, o grupo derrota a Medusa com a ajuda do escudo de espelho, obtendo o poderoso machado Laconiano.

O grupo agora é uma força coesa e experiente, de enorme poder. Seu objetivo final está cada vez mais próximo. Porém, para que o castelo invisível de Lassic, suspenso sobre os céus de Palma apareça, é necessária a utilização do prisma. Alis e companhia encontram o mesmo em Dezóris, após derrotarem um Titan. É também em Dezóris que o grupo encontra o escudo e a armadura laconiana.

Myau e a noz de Laerma

Na torre Corona, está a sagrada tocha eclipse. Alis troca o olho de âmbar, obtido de um dragão em Motávia, pela tocha. O motivo?

Como eu disse, o castelo de Lassic está nos céus de Palma. Para alcançá-lo, Myau precisa comer uma especiaria raríssima em dezóris, a noz de Laerma. Segundo a lenda, a ingestão da noz transformará Myau em um animal alado. Acontece que a Noz está congelada em uma nogueira, e só pode ser descongelada com a tocha eclipse. Depois de retirada, a noz só pode ser armazenada em um pote laconiano, como o que Alis conseguiu ao derrotar o Dr Mad. Tendo todos os itens necessários, o grupo consegue a noz, e retorna a Palma.

A queda de Lassic

Começa então a parte mais difícil da saga: à frente do grupo está a gigantesca cadeia montanhosa de Baya Malay, um tenebroso labirinto. Em Baya Malay, o advinho Namor entrega a Alis o cristal, que protegerá o grupo de poder de Lassic.

São muitas horas, talvez dias, de exploração da torre de Baya Malay, até que o grupo chegue ao topo. E Não há nada no topo, apenas uma visão panorâmica de Palma. Mas Alis sabe o que fazer. Ela ergue o prisma para os céus, e o castelo de Lassic surge, imponente diante deles.

É nesse momento que Alis dá a Myau a noz de Laerma. Ele começa a emitir um brilho opaco, e então se transforma num belíssimo animal alado.

No meio do caminho, confrontam ainda um dragão dourado nos céus de Palma. Por fim atingem o castelo, e consequentemente, Lassic.

Assim que Alis entra na sala do trono, Lassic pergunta a ela: “Você realmente deseja matar um homem velho?” Diante da afirmação de Alis, a batalha tem início.

Lassic possui um poderoso cajado, que dispara rajadas elétricas contra os heróis. Porém a ação conjunta do grupo acaba por sobrepujar o poder de Lassic. Alis vingou seu irmão, e prepara-se para retornar à mansão do governador, em Paseo.

Dark Force

Ao chegarem à mansão do governador, os heróis caem em uma armadilha, que os leva a um labirinto. Após alguns andares, o labirinto termina em um beco sem saída. Mas os heróis encontram uma porta secreta, e dentro dela encontram seu mais temido inimigo…

Dark Force surge como o verdadeiro inimigo. Ele corrompeu a alma de Lassic, e agora apossou-se do governador. É uma longa e árdua batalha, e a imensa criatura é muito poderosa. No final, porém, Alis e seu grupo conseguem pôr fim à ameaça de Dark Force. O governador Sirrus conta a Alis que ela, na verdade, é a herdeira do trono. Assim, Alis torna-se a rainha de Algol, e sua saga chega ao fim. Mas na verdade, esse é apenas o começo da saga dos que ainda viriam, mil anos depois…

colunas/mansao_esper/mansao_esper_002.txt · Última modificação: 2009/01/13 11:58 (edição externa)

Ferramentas da página