A GAZETA DE ALGOL

"O morto do necrotério Guaron ressuscitou! Que medo!"

Ferramentas do usuário

Ferramentas do site


fanworks:teorias:teoria_brasileira_006

Alis em Phantasy Star II...?

Autor: J.F. Souza (Yoz), editor do blog "Histórias Proibidas"

Quase 20 anos depois de seu lançamento, o Phantasy star II ainda continua a me surpreender. Bem, eu estava num processo da captura de Sprites Sheets dos personagens do PSII, quando me ocorreu uma experiência meio doida a se fazer:

“O que ocorreria se eu tivesse com mais de uma Shir no grupo, e fizesse com que elas roubassem uma loja…?”

O que ocorreu foi uma surpresa que me deixou em dúvidas quanto ao título deste bug, pensei até em chamá-lo de “O exercito de inúteis NPC’s.” Mas resolvi não denegrir a imagem desses personagens que, querendo ou não, ajudaram Rolf a livrar Algol do Cérebro Mãe. O que ocorre é o seguinte: A Alis aparece na casa de Rolf. É isso mesmo que você leu. Porém, quando você vai checar os status, aparece a imagem da bibliotecária, e o Sprite Sheet do personagem é algo denominado apenas com a palavra “DEFORMADO”. Concluo com isso duas possibilidades:

  1. Será que depois de 1000 anos, a Alis virou uma mera bibliotecária de uma torre central…? (Besteira! não acredito nisso!)
  2. Ou será que a SEGA Tinha intenções de inserir a Alis no Phantasy Star II até mesmo nos processos de programação do jogo…? (Minha teoria)

Este bug nada mais é do que um apoio de uma teoria, do que algo realmente frutuoso. Existe uma reportagem extraída do Phantasy Star Compendium chamada “A Historia de Phantasy Star II que não foi aprovada” ou “Mundo Reverso de Phantasy Star II”, o original foi escrito por Rebecca Capowski e traduzido para o português por Orakio Rob.

O personagem principal desta história seria Lutz (O mesmo Noah do PSI), a denominação dos demais personagens não é definida, entretanto, nas fotos do compendium, é mostrado que eles são bem parecidos com os personagens do PSI.

Este seria grupo do PSII alternativo. Qualquer semelhança com pessoas vivas ou mortas pode ou não ser mera coincidência…

Bem, o que validaria esta minha teoria que não é bem uma teoria…? Ela é embasada por vários fatores comprovados:

  1. Porque a Alis…? Jogando o Phantasy Star GAIDEN, que se passa no ano AW813, ou seja, 471 ano s depois de PSI, encontramos a Alis adormecida dentro de uma câmara criogênica. No final deste jogo, ela diz para sua filha Mina que precisa deixar Copto e retornar para Algol e salvar o sistema de uma nova ameaça.
  2. Jamais foi explicado o que realmente aconteceu com ela após ter saído de Copto, que, segundo algumas fontes, fica a somente 1 ano-luz de Algol. Na certa ela emergiu no mesmo período ou antes da chegada dos homens da Terra em Algol. É só fazer a ligação: Segundo a bibliotecária da torre central de Paseo, o Cérebro Mãe foi trazido oficialmente para Palma no ano AW845. Existe um diferencial aproximado de 32 anos entre Phantasy Star GAIDEN e a implantação do cérebro mãe em Palma. Entretanto, para a construção das inúmeras torres de controle (Espalhadas por cidades que, por sua vez, estão espalhadas por todo o planeta) que iriam unir os complexos demográficos com o cérebro mãe através da rede de comunicação, seriam necessário mais alguns anos só para a viabilização de toda essa estrutura física, fato este que deixa totalmente obscuro quanto a data precisa da chegada dos homens da Terra em Algol.

Bem, voltando, eu acho que a SEGA tinha em mente o plano de inserir Alis no Phantasy Star II que conhecemos hoje.

Porque…?

Simples: O próprio jogo do Phantasy Star II denomina o nono personagem como Alis…

Como…?

É aí que entra o bug:

Para fazê-lo, você precisa do código de Game Genie que eu descobri através da modificação de outros códigos “A9DS-8AAL”, que insere Shir a força na segunda posição do agrupamento da fila indiana, em seguida, insira outras Shir’s no grupo. Para isso, com o código ligado, basta mudar a posição dos personagens colocando os outros personagens que não seja Shir na segunda posição, o resultado será este:

Depois, vá para uma loja qualquer e fique entrando e saindo até que pelo menos duas das Shir’s desapareçam do grupo (Obs: Após isso, desligue o código de Game Genie)… Logo em seguida retorne para a casa de Rolf. O resultado será esse:

Tanto faz responder sim ou não, só não a renomeie, ela será denominada nesse momento como Folha de Maruera, como Rudo, ou Shir ou qualquer outro nome dependendo da situação. Agora recrute este personagem para o grupo. A posição dele estará conforme indicada na foto (Seta verde na foto) 7ª posição, 9º personagem, e observe que seu nome é Alis (Círculo verde na foto).

Com ela no grupo, vá até o Laboratório de Clones e pague M$T 6.240,00 para ressuscitá-la. O resultado será isso:

Uma mistura catastrófica de Mongolóide malhado com o filho da cruza da bruxa de Blair com o Freddy Krueger, ou seja algo que a natureza não deveria conceber… Agora entre numa luta, que será visto o resultado de um pecado mortal contra todos os Deuses Algolianos. Vai ser a coisa mais estranha já vista, interfere até nos inimigos.

Se continuar fazendo esse truque, a casa de Rolf, no final das contas, estará repleta por uma cambada de inúteis personagens anômalos cujo suas aparências gráficas reagem “disarmonicamente” aos elementos do cenário.

Apesar de não conseguir explicar o que aconteceu com Alis depois de GAIDEN, com isso concluo sem mais delongas a minha teoria sobre a presença de Alis Landale no Phantasy Star II. A questão é: Ela realmente está presente no registro mesmo embora nessa forma berrante que fora mostrada anteriormente.

Powered by TXT2TAGS

fanworks/teorias/teoria_brasileira_006.txt · Última modificação: 2009/01/13 11:58 (edição externa)

Ferramentas da página